Boeing 787 recebe certificação da FAA e EASA

Após um ano e nove meses desde seu primeiro voo e com cerca de 4.911 horas de voo em testes, a Boeing finalmente recebe a certificação para o 787 Dreamliner, equipado com motores Rolls Royce Trent 1000.

Em cerimônia realizada  na fábrica da Boeing hoje ( 26/07), em Everett, Washington; Randy Babbitt, administrador da FAA (Agência Federal de Aviação) concedeu a certificação para Mike Carriker, chefe dos pilotos de testes da Boeing e do 787 e para Mike Sinnett, vice-presidente e engenheiro chefe de projetos da Boeing. A “Certificação de Tipo” concedida à Boeing, confirma que a aeronave foi testada e está em complacência com todas as leis federais dos Estados Unidos.

Alem disso, Babbitt emitiu a “Certificação de Produção 700” e entregou-o para John Cornish, vice-presidente do setor de montagem final e entregas do 787 e também para Barb O’Dell vice-presidente de qualidade do 787. O “Certificado de Produção 700” atesta que toda a linha de montagem e sistemas do 787 estão de acordo com as leis americanas e que a aeronave pode ser produzida em escala.

Depois foi a vez de Patrick Goudou, diretor-executivo da EASA (Agência Europeia de Segurança na Aviação), entregar para Dan Mooney, vice-presidente do programa de desenvolvimento do 787-8, o “Certificado de Tipo” europeu.

“A certificação é um marco que valida tudo aquilo que prometemos ao mundo desde que começamos a falar sobre esse avião. Essa aeronave incorpora as esperanças e sonhos de todos que tiveram a sorte de trabalhar com ela. Esses sonhos agora são realidade”, disse Jim Albaugh, presidente e diretor-executivo da divisão de jatos comerciais da Boeing.

“Essa realmente é uma grande aeronave. Desde o uso dos materiais avançados e inovações tecnológicas até a melhoria na experiência dos passageiros e uma inigualável eficiência econômica, o 787 realmente é uma aeronave para quebrar paradigmas”, revelou Scott Fancher, vice-presidente e gerente geral do programa 787.

A primeira entrega do 787, para a companhia japonesa All Nippon Airways, está prevista para o dia 26 de setembro, em cerimônia solene em Everett. No dia 27 a aeronave efetuará traslado entre a fábrica da Boeing e o aeroporto de Haneda, no Japão. Cerca de um mês após a entrega, a companhia japonesa efetuará seu primeiro voo fretado, decolando do aeroporto de Haneda para Hong Kong. A partir de 1 de novembro, o 787 será colocado na escala de voos da ANA, fazendo voos entre Haneda e Okyama e Hiroshima.

A companhia ainda tem planos de colocar o 787 em voos internacionais, ligando Haneda à Pequim em dezembro desse ano e para Frankfurt, Alemanha, em janeiro de 2012.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: